jusbrasil.com.br
1 de Abril de 2020

Kadu Moliterno tem indenização negada pela Justiça em processo contra Luana Piovani

kadu moliterno processo luana piovani direito

bit.ly/37fn5GW | Kadu Moliterno, ator da Record, entrou com uma ação na justiça contra a atriz e apresentadora, Luana Piovani pedindo uma indenização de R$50 mil por danos morais após Luana ter citado seu nome em um vídeo do Youtube falando sobre o possível caso de agressão.

Em 2017 Luana Piovani usou seu canal no YouTube para expor sua opinião no caso do suposto caso de assédio de José Mayer na Globo, onde veio à tona a relação do ator com uma figurinista que rendeu a demissão de Mayer da emissora. Luana falou sobre a impunidade no Brasil contra esses "agressores famosos" e deu como exemplo, Kadu Moliterno e seu ex-namorado Dado Dolabella.

"O Kadu Moliterno, que já foi meu par, bateu na esposa. Ela foi capa da revista Veja com a manchete: 'Não foi a primeira vez' e não soube de condenação. Ele continua trabalhando, fazendo novelas, posando com as novas namoradas para as revistas de celebridades", disse Luana Piovani no vídeo.

O ator da Record entrou com processo mas perdeu em primeira instância. Na ação, movida no Rio de Janeiro Kadu Moliterno pede indenização por danos morais. Essa semana Kadu voltou à justiça após entrar com recurso, no entanto teve novamente seu pedido negado por unanimidade.

Na primeira instância os autos alegam: "situação fática que pode ser classificada como mero dissabor, decorrente do legítimo direito de criticar e ser criticado, o que se constitui na maior garantia assegurada a todos que possuem o privilégio de viver nos regimes democráticos". Agora se Kadu solicitar um novo recurso contra Piovani terá que apelar para instâncias superiores. O ator ainda não comentou sobre o caso.

Mozuka Braga

Fonte: www.otvfoco.com.br

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)